Manutenção de veículos durante a pandemia: como fazer?

Controle e gestão - 30 de julho de 2021

A pandemia trouxe muitas mudanças de hábitos. Estamos saindo menos de casa para reduzir a disseminação do coronavírus, a maioria das atividades são realizadas remotamente e, consequentemente, usamos menos o carro.  Você sabia que, mesmo parado por muito tempo na garagem, todo carro necessita de manutenção? Confira algumas dicas.

Quais são os cuidados essenciais para a manutenção do veículo?

Troca de óleo, calibragem dos pneus, ligar o veículo periodicamente são alguns dos cuidados para fazer a conservação do seu automóvel, aumentando a vida útil do seu veículo nesse período, além de manter as boas condições do seu carro para quando for utilizá-lo com mais frequência.

O que é manutenção de veículos?

A revisão preventiva básica pode evitar muitas dores de cabeça. Ela contribui para a redução de custos e ainda pode evitar que falhas, problemas e até mesmo acidentes ocorram. Existem quatro tipos de manutenção:

  • Manutenção corretiva: quando já existe alguma falha ou defeito identificado que precisa ser sanado;
  • Manutenção detectiva: que testa o uso das peças a longo prazo e procura por falhas que possam causar problemas futuramente;
  • Manutenção preditiva: aquela que avalia o funcionamento de cada item e prevê sua vida útil;
  • Manutenção preventiva: prevê a necessidade de reparos antes que o carro apresente algum problema.

 Calibragem dos pneus e demais cuidados

Enquanto você não estiver usando o carro, o ideal é manter os pneus sempre calibrados.  Eles perdem a pressão regularmente, fazendo com que a borracha deforme causando aquele efeito de “pneu quadrado”. Por isso, pelo menos uma vez por semana, passe na oficina para verificar a condição dos pneus e evitando a deformação de seus componentes internos e assim garantir uma maior vida útil e segurança ao dirigir.

Filtro do ar-condicionado do carro

Mesmo muito tempo parado, o carro pode acumular poeira e impurezas no filtro do ar condicionado.  Ligue periodicamente o ar, com as janelas do veículo abertas para que a poeira se dissipe. Caso o filtro do seu ar condicionado não seja descartável, você pode limpá-lo em casa, removendo-o e passando um aspirador em pó.

Atenção com a troca de óleo

Se o prazo do óleo expirar e o carro continuar estacionado na garagem, o componente deve ser substituído o mais rapidamente possível, como indica o fabricante. Isso porque a falta de óleo pode causar danos severos ao motor, podendo acarretar a sua troca. Aproveite a ida ao posto de gasolina para abastecer e cheque todos os fluidos, além do óleo do motor, como o que serve para o arrefecimento do radiador e o nível do tanque de água.

Abastecer com gasolina ou álcool?

Seu tanque está na reserva? Mesmo sem rodar com o carro o ideal é que você não deixe o tanque muito vazio, o que leva ao acúmulo de impurezas que entopem injetores e filtros.

Além disso, também pode acontecer da umidade condensar e virar água, enferrujando alguns componentes do tanque que se mistura ao combustível trazendo danos ao motor.  A dica é deixar ao menos metade do tanque abastecido para evitar este tipo de problema e trafegar tranquilamente.

Como saber qual combustível vale mais a pena?

Existe um cálculo básico que pode te ajudar na hora de escolher qual combustível vale mais a pena na hora de abastecer. Basta dividir o preço do litro do etanol pelo da gasolina. Se o resultado for inferior a 0,7, o álcool é o melhor para abastecer. Se for maior que 0,7, então prefira a gasolina. 

Ligue o veículo periodicamente

Considerando que o carro é uma máquina, mantê-lo parado por muito tempo pode fazer com que apareçam problemas no motor e em outras partes mecânicas.  O ideal é ligar o carro ao menos uma vez por semana e se puder ir para a rua, rodar com ele por pelo menos 20 minutos. Se não tiver como sair, mantenha o motor ligado também por esse período.

Assim, você mantém o funcionamento de todos os componentes do carro, garante que o óleo percorra por todas as partes móveis para lubrifica-las e que o combustível se misture no tanque.

Benefícios da manutenção de veículos

Como vimos acima, além de uma maior segurança para o condutor do veículo, a manutenção regular do seu carro pode te fazer poupar mais. Reparar uma peça pode ser bem mais caro lá na frente se o problema não for identificado logo, além de manter o seu veículo com o funcionamento pleno.

Bom funcionamento do seu carro

Os cuidados preventivos podem fazer com que a vida útil do seu veículo dure bem mais e garanta também o bom funcionamento do carro, mesmo depois de tanto tempo parado. Estar atento a qualquer barulho estranho, aos níveis dos fluidos e às demais dicas que demos, pode evitar problemas maiores no futuro.

Cuidados com a segurança

Você cuidando do seu carro também está contribuindo para um trânsito melhor já que além de um carro parado na via gera congestionamento e um veículo sem manutenção pode causar acidentes graves.

Outro cuidado que você também deve ter é instalar o seu adesivo Veloe. Você se protege e ajuda a reduzir o contágio pelo vírus por meio da limitação do contato físico, manuseio de dinheiro nas praças de pedágio ou de digitação em máquinas de cartão dos estacionamentos. Veloe está presente em 100% das rodovias pedagiadas do país e diversos estacionamentos, aeroportos e centros comerciais, com facilidade e segurança.

Manter o valor do carro

Fazer a manutenção periodicamente, limpeza regular e demais cuidados que citamos acima também vai fazer também com que o seu veículo mantenha a valorização para quando for vendê-lo ou trocá-lo. Confira mais dicas clicando aqui.

Agora você já sabe como fazer a manutenção do seu carro, mas se precisar sair, use a máscara, mantenha o distanciamento e vá de Veloe! E para dar aquela animada, seja em casa ou no carro, aproveite nossas playlists no Spotify!  

Conteúdos que podem ser do seu interesse